sábado, 8 de março de 2014

O Juventus empatou... ah vá!?

Sábado, 08 de março. Em Rio Preto, o Juventus enfrentou o América, adversário direto por posição no meio da tabela. E ficou no empate, 1 a 1.

O primeiro tempo teve boa produção da equipe juventina, com alguns lances de perigo criados sob comando de Élvis. O gol grená veio, porém, apenas numa cobrança de penalti. Pouco depois de meia hora de jogo, Renato caiu na área e o juizão apitou a marca da cal. O zagueirão Emerson foi para a cobrança e converteu a abertura do placar.

Poucos instantes depois foi hora do América agredir e conseguir empatar a partida, deixando o Moleque novamente à procura do placar positivo.

Melhor pelo Juventus, FH (Foto: Ale Vianna)

O segundo tempo foi equilibrado, com menor intensidade. Os times tentavam algo diferente, mas sem ímpeto que deixasse suas defesas desguarnecidas. Aos 34', após bola na trave do gol visitante, Cícero derrubou o atacante local e o penalti foi marcado. No entanto, Fernando Henrique, que voltava à meta grená, mostrou sua elasticidade e defendeu a cobrança.

O Juventus pouco criou mais, não sei se apenas por limitação técnica ou talvez também por questões físicas e de entrosamento (3 novas estreias hoje) - inadmissível para quem não jogou no meio da semana e teve todo tempo de treino.

Com Fernando se destacando ainda mais com boas defesas, o empate se arrastou até o fim da peleja. Quarto empate de Ferreirão em 5 jogos - de 15 pontos, 7 foram conquistados.


Nada mal - invencibilidade segue. Mas nada bem, pois chegou a hora de vencer e isso é o que importa. #ForzaJuve

Saudações juventinas!

Um comentário:

  1. Em um campeonato com 19 rodadas, sabemos, de antemão, que se um time ganha todos os jogos em casa obtém a classificação, pois com 30 pontos a probabilidade de chegar em 8º lugar é mais do que 99%.
    Na A3 – 2010, chegamos em 8ª lugar com 29 pontos, 8 vitórias , tendo o melhor ataque da 1ª fase e um bom saldo de gols , e na A3-2012 alcançamos a 7ª posição, com 28 pontos, 7 vitórias e o segundo melhor ataque da primeira fase.
    Nesta campanha, a esta altura, temos que pelo menos vencer mais 6 jogos, para chegarmos aos 29 pontos e termos uma quantidade de vitórias que nos dê tranquilidade para o desempate..
    Em casa perdemos a absurda quantidade de 12 pontos, por outro lado, fomos buscar fora 8 pontos. Há um déficit teórico de 4 pontos em relação à pontuação ideal.
    Temos ainda pela frente 5 jogos em casa e 4 fora:
    Em casa, vamos enfrentar o Taubaté, Sertãozinho, São Carlos, Inter de Limeira e Cotia. Todos tem feito campanhas irregulares (como a nossa) e tem a mesma situação de distancia de G8 e Z4.
    Fora enfrentaremos o Novorizontino, Tupã, Agua Santa e Guaçuano.
    Se conseguirmos reverter a nossa sina doméstica e obtivermos 5 vitórias e nos campos adversário tivermos sucesso contra um dos três primeiros que estão acima de nós, temos toda a chance de nos classificarmos, Não falo em vencer o Guaçuano, pois considero esse o jogo mais difícil que teremos, pois eles estão no Z4 há algumas rodadas e vamos enfrenta-los lá na penúltima rodada.
    Si , todavia se puede !!!!

    ResponderExcluir