sábado, 13 de agosto de 2011

English songs

Nesse fim de semana começa o campeonato inglês, ou a Premier League, e para prestar uma homenagem a um dos campeonatos mais equilibrados da Europa, resolvemos fazer uma comparação com algo que os ingleses conhecem bem, a música britânica.

Começamos com o atual campeão o poderoso e Manchester United. Os Red Devils têm uma semelhança com a banda The Police, assim como a banda o time tem três integrantes que são chaves na equipe, e que leva o esquadrão do Manchester United para a glória, são eles: Ryan Giggs, Wayne Rooney e Sir Alex Ferguson. E uma das músicas mais famosas da banda se chama message in a bottle, que traduzindo significa “mensagem na garrafa”, e o United tem dado a mensagem para seus concorrentes de que é franco favorito para levar o caneco da Premier League.




Seguindo a ordem do campeonato do ano passado vamos para o Chelsea, o milionário Blues tem paridades com a banda Genesis. Essa paridade se deve a duas específicas características:
• A primeira está relacionada com a palavra mudança, pois a banda Genesis foi uma das poucas bandas que mudaram seu estilo de atuação, no seu início a banda tocava um rock progressivo com músicas longas e muito trabalhadas, mas no final nos anos 80 a banda foi para um lado mais Pop, e ai está à semelhança com o Chelsea, pois era um clube que tinha torcida, mas apenas a torcida padrão de um clube pequeno, sim o Chelsea é pequeno, e se você pegar o perfil que postamos no site você verá que só tem 4 títulos ingleses, senso que três conquistas são recentes, fato que popularizou o time e que hoje tornou o Chelsea uma potência.
• A segunda paridade está na palavra sucesso, pois o Genesis fez e faz muito sucesso, mas não tanto quanto seu baterista Phill Collins, que conseguiu um sucesso astronômico na sua carreira solo, e o Chelsea que não foi bem na última temporada tem agora um técnico que simplesmente conquistou tudo no ano passado, então vamos ver como se dará essa fusão...





Em terceiro no campeonato do ano passado está o Manchester City, o clube inglês que tem um investimento pesado do poderoso papel verde que alimenta o capitalismo. Na comparação musical usamos a cantora Amy Wine House, pois com tanto dinheiro investido no clube, e só ter ganhado a FA CUP na temporada passada e ter problemas com seus jogadores, que não querem permanecer no clube, começa a dar vexame, assim como a cantora inglesa fazia no palco de seus shows ao vivo.
Mas não é só vexame, o clube conquistou o terceiro lugar no “inglesão” e começa a ter uma crescente, assim como Amy, que tinha muitos atributos apesar de muitos problemas, resta-nos esperar para ver o que o City fará e seus torcedores ficam na esperança de que não tenha o mesmo fim trágico da cantora de  voz grave.




O quarto colocado foi o Arsenal, time que concentrava suas forças em três pilares chaves, Van Persie, Fabregas e Nasri, isso mesmo, concentrava, pois os dois últimos estão praticamente negociados e poderão desfalcar o clube. A comparação então será feita com a banda Bee Gees, pois é uma banda de sucesso e tem três integrantes. Mas a similaridade que mais se adéqua nessa situação é a morte e a separação, pois um integrante dos Bee Gees morreu, assim como Fabregas está morrendo para a torcida dos Gunners,e o outro faz carreira solo, mesma situação de Nasri que deve deixar o clube. Portanto os Gunners começam o campeonato com uma bela incógnita na cabeça, mas com uma bela banda para representá-los.




O próximo time é o Tottenham, um time que era desconhecido do público brasileiro, mas que se tornou “moda” devido a boas atuações na liga dos campeões e as atuações brilhantes de seu lateral esquerdo Bale. E é esse jogador que inspira a escolha da banda U2 para representar o Tottenham, pois Bale é Gales e o U2 é irlandês, dois personagens que não são ingleses porem são britânicos e abrilhantam o Inglaterra mesmo sendo de fora, Bale com suas arrancadas e U2 com seus belos acordes.


Por último temos o Liverpool, que até o ano passado rivalizava com o Manchester  United em número de conquistas do campeonato inglês, hoje perde, mas isso não tira o brilho de um dos times mais fortes do mundo e com uma história de dar inveja em qualquer clube. A torcida do Liverpool também é muito marcante com seus gritos de “will never walk alone”.
Então para representar esse time nada melhor que uma banda da cidade de Liverpool, Os Beatles. Se existe alguma banda no mundo que não precisa de apresentação é essa, e quanto à similaridade com o clube está o fato de que, não importa a situação, Beatles e Liverpool sempre são lembrados em conversas quando o assunto é futebol e música.



Para finalizar temos o Queen, representante da Premier League, pois uma banda que leva o nome da representante da monarquia inglesa e que é aceita por todos não poderia representar a nenhum time e sim a todos.



Antes de encerrar gostaria de dizer que isso é apenas uma brincadeira e que foi feita por amantes do futebol e do rock, não é para se levar a sério a ponto de contestar algumas comparações, apenas um jeito diferente de homenagear o campeonato que está para começar e relembrar bandas que foram e são gigantes do rock britânico.      




Um comentário:

  1. Além destas músicas inglesas temos os famosos gritos de torcida britânicos, como é o caso do You'll Never Walk Alone do Liverpool.

    Belo trabalho, abraço.

    Vinicius Braz

    ResponderExcluir