sábado, 3 de março de 2012

Moleque derrota o Burro e volta a vencer em casa

03/03, sábado. Depois do frio empate na quarta-feira, o Juventus voltou na manhã deste final de semana disposto a reconquistar o caminho das vitórias. Mesmo com transmissão da Rede Vida (e presença da ESPN) no estádio, tivemos um bom público para apoiar a equipe. Contra o Taubaté, eterno freguês na Javari, o time se aproveitou da crise e nervosismo adversário para fazer valer o mando de campo. Com três homens a mais e a hostilização a Karmino Colombini, o placar refletiu a peleja com justiça: 4 a 0 e a vaga provisória no G8.

Ferreira decidiu por escalar Romerito na meia, não mais como referência no ataque. Xavier voltou como volante, com a camisa 5 e fez uma partida espetacular, seja na marcação seja na construção das jogadas. Com Thiaguinho estranhamente no banco, o Juventus veio num 4-2-2-2 com: (12)Túlio, (2)Tony, (3)Reginaldo, (4)Roni, (5)Xavier, (6)Lucas Pavone, (7)Romarinho, (8)Eduardo, (9)Douglas, (10)Saulo, (11)Romerito

A primeira etapa se desenhou com a superioridade grená não se refletindo em lances agudos; o Burro da Central exibiu muita marcação, evidenciada na postura de Fábio Duarte colado no experiente Romerito. Sem sofrer perigo atrás, mas sem agressividade no ataque, passamos boa parte da etapa com lançamentos longos do zagueiro Roni a Douglas e Romarinho, com os dois meias muito escondidos. Em poucos lances em que se chegava à área, os atacantes demoravam a se decidir pela finalização; o primeiro lance de perigo veio num tiro de fora da área com Romerito, exigindo o goleiro rival. Com pouco mais de confiança, quase no intervalo  o camisa 11 achou Douglas, que protegeu a bola com o corpo para o lateral Lucas Pavone apenas empurrar para o fundo das redes e fazer 1 a 0.

Na volta ao campo, o time tentou administrar a peleja e explorar os contra-ataques. Sofrendo uma pressão parcial do Burro, o adversário parava na boa atuação do sistema defensivo grená.  E foi num contra-ataque que Romarinho tentou puxar que gerou a expulsão do primeiro jogador do Taubaté. No entanto, mesmo com superioridade numérica, o time juventino não entendia a vantagem e perdia bolas muito facilmente; este padrão foi derrubado após nova expulsão, agora em falta sobre Thiaguinho. Já com dois a mais, o jogo ficou fácil - segurando apenas três homens na defesa, Ferreira liberou o time e na subida dos laterais, Tony recebeu na área para escolher o canto e ampliar o placar. (Neste momento, a torcida do interior se juntou à grená atrás do banco do 'burro' Karmino para hostilizá-lo duramente. Aos gritos e xingamentos, ambas se uniram contra o nosso treinador do ano passado, muito pouco querido por Taubaté e pela Mooca. Inédito, atípico, curioso. Demais). Com o jogo sendo administrado com tranquilidade, ainda foi tempo para mais dois gols: o terceiro de Pavone, mais um, em belo chute de fora da área; e Romerito, para coroar o seu grande esforço em campo, de 90' de luta, apenas escorando cruzamento de Tony. Ainda deu para o estúpido Serginho acertar o rosto do jogador juventino e ser o terceiro expulso no desequilibrado time interiorano. Placar final: Juventus 4 a 0 Taubaté.

O resultado refletiu não só a superioridade técnica e tática do Juventus como também o desequilíbrio adversário. O destaque máximo da partida foi certamente o zagueiro - e hoje volante - Marcelo Xavier, que errou apenas um passe, foi preciso em todos os desarmes e demonstra cada vez mais que foi um belo achado da comissão técnica. Não foi uma exibição excelente da equipe mas mostrou a segurança que sempre é bem-vinda.

Voltamos a campo pela 11ª rodada contra o Guaçuano, em Mogi Guaçu, às 20 horas da próxima 4ª feira. E à Javari, dia 14/03, às 15 horas, diante do Batatais. #ForzaJuve

Saudações juventinas!

2 comentários:

  1. Belo texto, equipe do bola pro Mato.
    Notei também que vocês estão recrutando novos torcedores para o Juve. Isso é muito bom !!!
    Em termos de desempenho, o Juve terminou bem o primeiro tempo, agredindo bastante o Burro até conseguir seu gol, com um chute mascado do Pavone.
    Em compensação no segundo tempo, por incrível que pareça, enquanto o Taubaté estava com 10 em campo dominou amplamente o Juve. No mais, eu concordo com o que voce escreveu. Pressinto que vamos buscar de 2 a 4 pontos na casa dos adversários nesta semana. Forza Juve !!!

    ResponderExcluir
  2. Mesmo a distância ( e é muita ), torci para a nossa equipe .
    Pedi para o pessoal do hotel gravar o jogo passado pela Rede Vida e vou assistir a peleja agora a noite .
    Acho que agora , vamos embalar bons resultados , pois pelo que vi até o momento , somos teoricamente uma das melhores equipes do torneio .

    Obs : Temos que continuar arduamente a continuidade do aumento de novos torcedores do Juventus , onde muitos tem vontade de ir e falta a companhia para os eventos , não só na Casa Nostra como também quando possível na casa do adversário .

    Abraços e parabéns a todos da equipe Bola pro Mato !

    ResponderExcluir